SOBRE O CURSO

O curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Psicologia Educacional visa preparar os profissionais para compreenderem e atuarem frente aos fatores psicológicos envolvidos nos processos educacionais de ensino e aprendizagem, dificuldades de aprendizagem e nas relações interpessoais da comunidade escolar, objetivando o direcionamento de estratégias de prevenção, promoção e acompanhamento.

Público Alvo

Pedagogos, psicólogos, psicopedagogos, fonoaudiólogos, assistentes sociais, filósofos, professores de diferentes campos do conhecimento e outros profissionais da educação (diretores, coordenadores, orientadores educacionais).

Estrutura Escolar

1. INTRODUÇÃO AO EAD– 15h/a
Fundamentos teóricos e metodológicos da Educação a distância; Ambientes virtuais de aprendizagem; Histórico da Educação a Distância; Avaliação em ambientes virtuais de aprendizagem apoiados pela Internet.
2. METODOLOGIA DO TRABALHO CIENTÍFICO- 20 h/a
Métodos e Técnicas para a investigação de uma pesquisa científica. Etapas de uma Pesquisa. Instrumentos técnicos operacionais para investigação, definição e ordenação temática.
3. DIDÁTICA E METODOLOGIA DO ENSINO SUPERIOR– 20h/a
Discutir as exigências atuais para atuação docente superior; reconstruir uma breve trajetória da gênese histórica da Didática; debater os aspectos multidimensionais da Didática e Metodologia do Ensino; refletir sobre a identidade, a mediação e os saberes produzidos no espaço de formação e atuação docente; analisar as finalidades da docência superior; discutir o papel dos professores (AÇÃO) em confluência com os modelos ideológicos; lançar um “novo olhar” sobre as perspectivas do processo de aprender-ensinar.
4. DESENVOLVIMENTO PESSOAL E PROFISSIONAL– 15h/a
Estudo das questões que envolvem a inserção do sujeito no mercado de trabalho. Estabelecimento de projeto de vida. Competência social. Competência interpessoal. Visão geral sobre gestão de carreira e desenvolvimento de competências. Características do processo seletivo. Independência financeira. Conceito de Relação Interpessoal. Conceito e aplicação da Neurolinguística no Relacionamento Interpessoal As competências que mais impactam a carreira em Educação. Avaliação 360 graus de competências. Roteiro e metodologia para a confecção do planejamento de carreira.
5. FUTURO, TECNOLOGIAS E TENDÊNCIAS NA EDUCAÇÃO – 20h/a
Visão geral sobre os conceitos de futuro, tendências e seus impactos na Educação. Estudo das ferramentas prospectiva e timelines (Linha do tempo) de futuro. Como a Educação está e continuará sendo transformada pelas novas tecnologias e perfil das novas gerações. Metodologias e recursos motivacionais adequados à nova realidade geracional. Introdução a Tecnologias Emergentes em Educação. Como serão as profissões e Educação no futuro.
6. NEUROBIOLOGIA – 25h/a
Introdução ao estudo do sistema nervoso central, Neuroanatomia Funcional básica. Desenvolvimento do sistema nervoso. Neuroplasticidade.
7. NEUROCIÊNCIA E EDUCAÇÃO – 40h/a
História da Neurociência. Neuropsicologia, Neuroeducação e Neuropsicopedagogia. Análise das discussões sobre o objeto e o campo de atuação. Bases anatômicas e fisiológicas do Sistema Nervoso; Estrutura do neurônio e sinalização neuronal; Mecanismos excitatórios e inibitórios; Estruturas corticais e subcorticais e suas funções; Neuroplasticidade
8. EDUCAÇÃO SEXUAL NA ESCOLA – 30h/a
História da sexualidade e da Educação Sexual no Brasil. Fundamentos básicos da Educação Sexual. Abordagens da Educação Sexual. Educação Sexual para deficientes mentais e físicos. Abuso sexual. Educação Sexual e projeto político.

9. FUNDAMENTOS TEÓRICOS DA PSICOLOGIA APLICADA À EDUCAÇÃO – 60h/a
Psicologia Escolar: surgimento e desenvolvimento. Fundamentos teóricos da Psicologia e sua aplicabilidade no contexto educacional. Perspectivas atuais e futuras da Psicologia no contexto educacional.
10. DESENVOLVIMENTO HUMANO E IMPLICAÇÕES EDUCACIONAIS – 30h/a
A contribuição de Vygotsky para a Psicologia do Desenvolvimento e Educação. Pressupostos do Modelo Contextualista Histórico do Desenvolvimento. Socialização da Criança Pré-escolar para o desenvolvimento da autonomia. O jogo no desenvolvimento da criança. A Criança Pré-escolar nas creches: aspectos educacionais.

11. PSICOMOTRICIDADE E DISTÚRBIOS PSICOMOTORES– 40h/a
A Psicomotricidade, conceito e áreas de atuação. O Desenvolvimento Motor e as áreas da Psicomotricidade. Distúrbios Psicomotores. Taxonomia Motora aplicada a crianças de 02 a 06 anos. Evolução Psicomotora dos 03 aos 06 anos. Educação Psicomotora na idade Pré-Escolar. Atividades e exercícios psicomotores. O Exame Psicomotor.
12. NEUROPSICOPATOLOGIAS: TRANSTORNOS E SÍNDROMES– 45h/a
Síndromes e transtornos neurológicos mais prevalentes na idade escolar; Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde (CIF); etiologia, fisiopatologia, sinais e sintomas, aspectos cognitivos e neuropsicológicos de cada síndrome e transtorno; Avaliações; Reabilitação.
13. ALFABETIZAÇÃO – 30h/a
Interação Social. Processos psicológicos e cognitivos envolvidos na aquisição da leitura, escrita e cálculo. Relação teoria e prática. Implicações psico-pedagógicas da alfabetização em crianças, adolescentes e adultos.
14. OS INDIVÍDUOS ESPECIAIS – 30h/a
A excepcionalidade. Enfoque psicossocial da excepcionalidade. Detecção preventiva de déficits no desenvolvimento. Ações preventivas, reeducativas e de acompanhamento ao indivíduo especial e respectiva família. A interdisciplinaridade na Educação Especial.
15. MÚSICA E NEUROCIÊNCIA – 40h/a
Apresentação dos estudos neurocientíficos que relacionam a música como uma das mais poderosas ferramentas de desenvolvimento da aprendizagem.
16. DISTÚRBIOS ESPECÍFICOS DO DESENVOLVIMENTO – 40h/a
Ementa: Os distúrbios do desenvolvimento e suas implicações no rendimento acadêmico de crianças, jovens e adultos. Os processos cognitivos relacionados aos distúrbios em diferentes perspectivas teóricas. Processos diagnósticos e procedimentos de intervenções para áreas específicas do conhecimento escolar. Elaboração de laudos técnicos e medidas profiláticas.
17. LÍNGUA DE SINAIS – 40h/a
LIBRAS, sua importância como primeira língua ao povo surdo. As fases que antecedem ao bilinguismo: oralismo e comunicação total. A declaração de Salamanca: direito de educação para todos, em especial ao respeito às peculiaridades das pessoas com necessidades especiais. A inclusão no ambiente escolar no Brasil. A importância do intérprete de LIBRAS. A informática como aliada à educação de surdos. A oficialização de LIBRAS pela comunidade surda no Brasil: mudança de paradigmas (da visão clínica-patológica à cultura surda). Os surdos no mundo. Considerações sobre os surdos. Educação inclusiva. O intérprete de LIBRAS. Escrita de LIBRAS – Signwriting. Os parâmetros da língua de sinais: a dactilologia, a orientação espacial, expressão gestual, a expressão facial e corporal. História da linguagem de sinais. Características próprias das línguas de sinais.

18. TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (Optativa)*

Carga Horaria total: 540h/a

Deseja mais informações?
Skip to content